Equipa d´O Ciclista

Clube de Jornalismo O Ciclista:

Professoras: Dra. Graça Matos e Dra. Sara Castela

Alunas: Adriana Matos, Ana Neta, Beatriz Agante, Matilde Santos e Sofia Pedrosa

Alunos: Daniel Almeida, Henrique Ferreira, João Rocha e Tomás Antunes

Dra. Miquelina Melo – Membro Honorário

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Misturas inocentes prejudiciais



As crianças não têm noção do quanto perigosa pode ser uma simples mistura de substâncias.
Quando era pequena, com cerca de 8 anos, não fazia ideia de como a mistura de lixívia e detergente amoniacal poderia ser perigosa. Um dia, enquanto brincava com tintas, pintei as mãos e a tinta secou. Estava tão preocupada com o modo como havia de tirar a tinta que decidi ir buscar lixívia e tentei. Depois de esfregar as mãos várias vezes, reparei que não estava a sair e por isso decidi ir buscar detergente; fui aos produtos de limpeza, agarrei no Sonasol e despejei um pouco na taça onde tinha colocado a lixívia. Passados uns minutos, não conseguia parar de tossir e, como estava na casa de banho com a porta fechada, comecei a tossir compulsivamente sem conseguir parar. Por sorte, consegui dirigir-me até junto da minha mãe que, de seguida, me levou ao hospital, onde coloquei uma máscara com uma substância que me limpou os pulmões.
Estive cerca de três horas com a máscara e a partir daí sempre que tenho lixívia e detergente amoniacal perto de mim, lembro-me de como quase ia morrendo com uma simples mistura de substâncias que encontramos no dia-a-dia.
Júlia Moreira, nº 9, 7ºA - VB
Disciplina FQ – Profª. Helena Arede


Sem comentários:

Enviar um comentário