Equipa d´O Ciclista

Clube de Jornalismo O Ciclista:

Coordenação: Dra. Graça Matos e Dra. Sara Castela

Alunas: Adriana Matos, Ana Neta, Beatriz Agante e Matilde Santos

Alunos: André Castro, Henrique Ferreira

Dra. Miquelina Melo – Membro Honorário

Endereço de correio eletrónico - cj.eb23anadia@gmail.com

sexta-feira, 8 de junho de 2018

Parlamento dos Jovens


Na senda do pioneirismo dos anos letivos anteriores, o Agrupamento de Escolas de Anadia participou no projeto “Parlamento dos Jovens”. Esta iniciativa nacional, promovida pela Assembleia da República, desafia os alunos dos 2.º e 3.º Ciclos de Escolaridade e do Ensino Secundário a participar e a defrontarem-se num processo político de eleição de deputados e respetivo processo legislativo. A primeira fase promoveu a constituição de listas de deputados.
Nestes dois níveis de ensino, o Projeto suscitou forte adesão, uma vez que os alunos se organizaram e formaram 8 listas de deputados no Ensino Básico (maioritariamente alunos do 9.º ano) e 5 do Ensino Secundário. As diversas listas apresentaram medidas sobre o tema proposto para este ano: “Igualdade de Género”.
A propaganda eleitoral decorreu alguns dias antes da eleição que ocorreu em janeiro. Dessa eleição, resultou o apuramento de deputados, para formar a Assembleia Escolar. Nela estiveram presentes todos os deputados eleitos com o objetivo de debaterem as medidas propostas. As professoras Teresa Paula Carapinha e Sandra Fonseca presidiram à Assembleia do Ensino Básico e Ercília Teigas à do Ensino Secundário. Qualquer uma decorreu de forma exemplar. As deputadas e os deputados eleitos souberam argumentar e debater as medidas apresentadas pelas listas, num clima de muita correção, respeito, civismo e cooperação, dignos representantes do espírito democrático.
As docentes envolvidas no Projeto, congratulam os alunos participantes pelo entusiasmo, empenho, esforço e coragem em se perfilaram face a uma iniciativa desafiante de uma atitude dinâmica, crítica e construtiva.
No final, foram votadas três medidas e três deputados (dois efetivos e um suplente), por cada nível de ensino, os quais representaram o Agrupamento na Sessão Distrital, correspondente à 2.ª fase do projeto.
As medidas mais votadas e apresentadas na respetiva sessão distrital foram, pelo 3.º Ciclo do Ensino Básico:
Introdução obrigatória de tempos de reflexão sobre a temática Igualdade de Género nos espaços educativos/currículos, nas áreas profissionais e nos media.
Fiscalização na área laboral para eliminação das desigualdades salariais entre homens e mulheres.
Alteração da legislação tendo em vista o agravamento das penalizações em casos de violência doméstica.
As medidas do Ensino Secundário foram:
Integrar na Constituição formas de evitar a criação de estereótipos de género nos estabelecimentos públicos.
Regulamentar a paridade da inclusão de literatura de autores femininos e masculinos no programa de Português e no Plano Nacional de leitura.
Introduzir, de forma explícita na Constituição, uma lei que permita partilhar a licença parental entre os pais, segundo a vontade expressa de ambos.
Foram eleitos e representaram na sessão distrital pelo 3.º Ciclo, as alunas Marta Mota, Beatriz Bernardes e Patrícia Silva e pelo ensino Secundário os alunos Margarida Ribeiro, Henrique Paulo e David Pires.
A participação do Agrupamento ficou-se pela Sessão Distrital. Contudo, os nossos alunos foram dignos representantes, pois a sua capacidade argumentativa, o seu empenho e entusiasmo estiveram sempre presentes.
Ana Isabel Costa, Prof.

Sem comentários:

Enviar um comentário