Equipa d´O Ciclista

Clube de Jornalismo O Ciclista:

Professoras: Dra. Graça Matos e Dra. Sara Castela

Alunas: Adriana Matos, Ana Neta, Beatriz Agante, Matilde Santos e Sofia Pedrosa

Alunos: Daniel Almeida, Henrique Ferreira, João Rocha e Tomás Antunes

Dra. Miquelina Melo – Membro Honorário

terça-feira, 22 de outubro de 2013

O presente misterioso

Era uma vez uma família muito feliz, cujos membros viviam todos numa casa simples mas acolhedora. O papá Arnaldo tinha um quarto, onde dormia com a mamã Jacinta. A filha mais nova, a Clara, dormia num quarto sozinha, onde tinha muitos brinquedos e o seu irmão mais velho, o Rui, também tinha um quarto só para ele.
Certo dia, a Clara e o Rui foram brincar à bola para o jardim e sem querer, o Rui mandou a bola para a estrada e como a Clara era pequenina, foi lá ele buscá-la. Nesse preciso momento, vinha uma carrinha com várias encomendas e muitas cartas, era o carteiro. Então, quando o Rui estava para ir para o jardim com a bola, o carteiro não o viu e atropelou-o. Momentos depois, os pais foram ter com ele ao local do acidente, porque a Clara os tinha ido chamar e, logo de seguida, chamaram a ambulância e foram todos para o hospital.
Já no hospital, o Rui estava num quarto deitado numa cama até que chegou uma enfermeira com um presente para ele, mas ele não sabia de quem era, pois não tinha nome nem a indicação da morada. Entretanto, o jovem perguntou à enfermeira quem lhe tinha mandado aquele presente misterioso, porém ela não lhe soube dizer. Então, o rapazito resolveu abrir o presente e veio a descobrir que era do carteiro a pedir-lhe desculpas pelo incidente. Quanto ao presente, era um belo cãozinho, que lhe veio trazer alegria à sua vida.

Filipa Roque Oliveira, nº 12, 8º E

Sem comentários:

Enviar um comentário